Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

Sobe lucro do El Corte Inglés

O El Corte Inglés de Lisboa lucrou 4,42 milhões de euros no último exercício fiscal, terminado em Fevereiro de 2005. Comparando com o exercício findo em Fevereiro do ano passado, o crescimento foi de 66,8 por cento.
29 de Agosto de 2005 às 00:00
O grupo investiu 806 milhões de euros e criou mais 3145 empregos
O grupo investiu 806 milhões de euros e criou mais 3145 empregos FOTO: Manuel Moreira
Em termos de grupo, o resultado líquido totalizou 611,5 milhões de euros, com um crescimento de 6,1 por cento.
Estes números foram divulgados ontem em Madrid, na assembleia geral de accionistas, pelo presidente do El Corte Inglés, Isidoro Alvarez.
O empresário disse que a prioridade do grupo é projectar-se a nível internacional. O primeiro passo da internacionalização foi dado em Portugal, com centros comerciais em Lisboa e Porto. Talvez o segundo passo internacional seja no mercado italiano, segundo Isidoro Alvarez. Outra novidade é a entrada do grupo espanhol noutros segmentos, como materiais para obras em casa.
No último exercício fiscal, o El Corte Inglés investiu 806,3 milhões de euros e criou mais 3145 postos de trabalho.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)