Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
2

SONAE VENDE 25% DA PORTUCEL AO BES E CGD

A Sonae SGPS decidiu vender ao Banco Espírito Santo e à Caixa Geral de Depósitos 191,877,678 milhões de acções da Portucel.
18 de Setembro de 2004 às 00:00
Estes títulos representam 25 por cento do capital social da papeleira e são vendidos ao preço unitário de 1,55 euros, o que dá o total de 297 milhões de euros. Recorde-se que a Semapa, após ter adquirido ao Estado 30 por cento do capital social da Portucel, lançou uma oferta pública de aquisição sobre 44,3 por cento do capital da fabricante de papel a 18 do mês passado. Aliás, a empresa de Pedro Queiroz Pereira foi instada nesse sentido pela Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.
Esta OPA decorre até ao dia 28 deste mês, e o resultado é apurado no dia seguinte. Então, a Semapa passa a deter 55 por cento do capital social da Portucel. Na papeleira, o Estado mantém a participação de 25,7 por cento. Apesar de a empresa de Belmiro de Azevedo ter informado ontem a CMVM sobre a opção de venda de 25 por cento do capital da Portucel ao BES e à CGD, a operação já era aguardada pelo mercado de capitais. Por este motivo, as acções da Sonae SGPS fecharam inalteradas ontem, a 89 cêntimos, com um volume negociado inferior ao habitual. As acções da Portucel também ficaram invariáveis, a 1,55 euros.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)