Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
5

Sumolis/CGD compram a Compal

A proposta conjunta apresentada pela Sumolis e pela Caixa Geral de Depósitos (CGD), no valor de 450 milhões de euros foi a vencedora para a compra da Compal, uma decisão que foi tomada ontem.
3 de Novembro de 2005 às 00:00
A Sumol comprou a Compal
A Sumol comprou a Compal FOTO: Jorge Paula
Para trás ficaram a 3i, que apoiava um ‘management buy out’ (compra da empresa por parte dos seus quadros superiores) liderada pelo presidente executivo, António Pires de Lima, as sociedades de ‘private equity’ Bridge Point e Explorer, a Centralcer, a Refrige e a Unicer.
Segundo apurou o CM, uma das estratégias dos novos accionistas passa pela fusão entre as duas empresas de bebidas.
A Nutrinveste, ‘holding’ do empresário Jorge de Mello recebeu propostas de compra dos seus negócios dos sumos, néctares e refrigerantes e dos cafés e concentrados, respectivamente, na Compal e na Nutricafés. As duas actividades têm um peso de 30 por cento no volume de negócios da Nutriveste que, em 2004, totalizou 654 milhões de euros.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)