Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

Suspeitas de crime no centro comercial

O projecto de construção do W Shopping, inaugurado em 2003 em Santarém, contém quatro violações ao Plano Director Municipal e uma ao Regulamento Geral das Edificações Urbanas, afirma a Provedoria de Justiça num relatório onde detalha as irregularidades cometidas pelo promotor da obra e pela Câmara.
28 de Dezembro de 2007 às 00:00
O documento, a que o CM teve ontem acesso, reprova ainda a autarquia por, quatro anos volvidos, não ter tomado qualquer iniciativa para reparar a situação. As conclusões do relatório sugerem o envio do processo ao Ministério Público e à Inspecção-Geral da Administração do Território para apurar eventuais ilícitos criminais.
Segundo a Provedoria, que analisou uma queixa de um munícipe, o edifício tem um piso comercial a mais, a altura das fachadas é superior à cércea dos edifícios em frente e a profundidade da empena, “que nunca poderia ter ultrapassado os 17 metros”, acabou por ficar nos 55 Na área reservada ao estacionamento “a construção ultrapassa o limite máximo de um piso, o que permitiu uma extensão desmesurada da área de implantação e de construção licenciadas”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)