Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

Valor das casas sobe para um máximo de 6 anos

Vendas totalizaram 3,7 mil milhões entre abril e junho de 2016.
Miguel Alexandre Ganhão(miguelganhao@cmjornal.pt) 21 de Setembro de 2016 às 09:15
Lisboa
Lisboa FOTO: Bruno Colaço
As casas estão a valorizar-se há 15 meses consecutivos. Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) o preço das habitações aumentou 6,3% no segundo trimestre de 2016 em relação ao período homólogo de 2015.

O indicador que mede o preço das casas atingiu o nível mais elevado desde 2010. Venderam-se 31 768 imóveis entre abril e junho, no valor de 3,7 mil milhões de euros, o que representa um crescimento de 29,6% em relação ao ano passado.

São as casas usadas as que se vendem melhor e as que mais se valorizam. De acordo com o INE, as habitações usadas valorizaram 3,5% entre abril e junho, contra 2,1% das casas novas, uma tendência que vem desde o último trimestre de 2014.

O valor de venda dos imóveis usados subiu 38,9% num ano, contra 5% dos imóveis novos. É na área metropolitana de Lisboa que o dinamismo do mercado imobiliário é mais forte.

Do total dos mais de 31 mil imóveis vendidos em todo o País , mais de 11 mil foram em Lisboa. Também o Algarve mostra sinais evidentes de recuperação. Entre abril e junho deste ano foram vendidos 3244 imóveis na região.
Instituto Nacional de Estatística Lisboa Algarve imobiliário
Ver comentários