Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
7

Vara renuncia ao BCP mas ganha 260 mil

Armando Vara anunciou ontem a sua renúncia a todos os cargos que exercia no Millennium/BCP.
3 de Julho de 2010 às 01:12

Numa carta enviada à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o banco comunica que a situação de suspensão das funções de Administrador e Vice-presidente do Conselho de Administração Executivo, que durava desde Novembro de 2009, "tornou inconveniente para o interesse social o prolongamento da actual situação de suspensão".

O comunicado refere, ainda, que Vara está impedido de trabalhar noutros bancos até à data do termo normal do mandato (18 de Janeiro de 2011), e que, por isso, o Millennium/BCP continuará a pagar-lhe o ordenado de administrador até ao fim do ano. Vara deverá receber mais de 260 mil euros, uma vez que a sua remuneração fixa anual era de 520 mil. O CM sabe que não haverá qualquer outra regalia por parte do BCP. "O Dr. Armando Vara é quadro da Caixa Geral de Depósitos e o tempo que passou no BCP contará para a reforma na CGD", disse uma fonte do banco.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)