Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

72 mil casas vendidas em apenas seis meses

Compra de imóveis movimentou 8,9 mil milhões de euros em apenas seis meses.
Bruno de Castro Ferreira 7 de Outubro de 2017 às 01:30
A carregar o vídeo ...
Compra de imóveis movimentou 8,9 mil milhões de euros em apenas seis meses.
A venda de casas rendeu 8,9 mil milhões de euros nos primeiros seis meses deste ano. Entre janeiro e junho foram vendidos 72 mil imóveis. Há praticamente uma década que o valor não era tão elevado.

De acordo com os dados da Federação Portuguesa da Indústria da Construção e Obras Públicas, apenas 4% dos vendas são casas novas. A esmagadora maioria das transações diz respeito a edifícios antigos que foram alvo de trabalhos de reabilitação ou renovação.

É na área metropolitana de Lisboa que se concentra o maior dinamismo no negócio. Quase metade dos 8,9 mil milhões de euros usados na compra de imóveis foram gastos em Lisboa. Mais: 35% das casas vendidas em Portugal no primeiro semestre do ano estavam localizadas nos 18 concelhos da área metropolitana na capital.

O aumento do número de transações está a ser acompanhado por uma subida do preço dos imóveis. O preço médio das casas em Portugal cresceu 7% entre julho e setembro. O metro quadrado custa 1602 euros em média, segundo o site de imobiliário Idealista. Em Lisboa, o metro quadrado custa 3946 euros, em média.

Também o custo de construção dos imóveis está a aumentar. Em agosto, construir um apartamento ou uma moradia custava mais 1,6% em comparação com o mesmo mês do ano passado.

Obras públicas quase duplicam num ano 
O mercado das obras públicas praticamente duplicou em agosto em relação ao mesmo período do ano passado. O número de obras contratadas aumentou 91 por cento e o valor dos contratos celebrados cresceu 83 por cento.

A aceleração do investimento do Estado acontece numa altura em que muitas obras adiadas nos anos anteriores começaram finalmente a ganhar forma.

Ao mesmo tempo, nota-se uma aceleração a que o facto de este ser um ano de eleições autárquicas pode não ser alheio.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)