Barra Cofina

Correio da Manhã

Exclusivos

200€ por matar gato do vizinho

Ano e meio após a morte do animal, autor do disparo foi condenado em tribunal.
30 de Maio de 2010 às 00:30
200€ por matar gato do vizinho
200€ por matar gato do vizinho

Um caçador de Abrunheira, Montemor-o-Velho, tem de pagar uma indemnização de 200 euros por ter abatido a tiro o gato de um vizinho. Segundo a decisão do Tribunal de Montemor-o--Velho onde o caso foi julgado, o autor do disparo terá ainda de suportar as custas do processo.

O gato foi abatido a tiro em Outubro de 2008, quando estava no quintal do caçador, de cerca de 50 anos. Ao ouvirem o disparo, os donos do felino, vizinhos do agressor, foram ver o que se passava, deparando com o animal já inanimado. Ainda o transportaram para uma clínica veterinária, onde foi declarada a morte do bicho, então com seis meses.

Desolados, os donos pediram ajuda à Associação de Protecção Animal da Figueira da Foz (APAFF) – que, por vontade dos lesados, recebeu a indemnização – e avançaram com o caso para tribunal.

Ano e meio depois realizou-se o julgamento. O pedido de indemnização era de 500 euros, mas como o agressor assumiu a culpa, as partes acordaram fixar o valor em 200 euros.

Para a presidente da APAFF, Florbela Brízida, não está em causa o valor, mas o significado da decisão: para os lesados prova que 'a Justiça funciona', enquanto os agressores 'tomam consciência da punição'.

Ver comentários