Barra Cofina

Correio da Manhã

Exclusivos
6
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já

Absolvição de Duarte Lima pode tramar móbil do homicídio a tiro

Justiça brasileira entende que o dinheiro motivou a morte da vítima, em 2009.
Magali Pinto 9 de Janeiro de 2019 às 01:30
Duarte Lima
Duarte Lima com o seu advogado à entrada do Campus de Justiça.
Duarte Lima
Duarte Lima
Rosalina Ribeiro
Duarte Lima
Duarte Lima com o seu advogado à entrada do Campus de Justiça.
Duarte Lima
Duarte Lima
Rosalina Ribeiro
Duarte Lima
Duarte Lima com o seu advogado à entrada do Campus de Justiça.
Duarte Lima
Duarte Lima
Rosalina Ribeiro
A investigação brasileira ao homicídio a tiro de Rosalina Ribeiro, antiga companheira e uma das herdeiras do milionário Tomé Feteira, aponta Duarte Lima como autor do crime, em Maricá, perto do Rio de Janeiro, em 2009 – e o caso deverá ser julgado em Lisboa, para onde o processo será transferido.

O motivo do homicídio, segundo a acusação, foi a apropriação de cinco milhões de euros da ... < br />
Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso ao e-paper, a todos os conteúdos exclusivos do site no pc, tablet e smarphone
Assine já 1 mês/1€
Para ler este e todos os EXCLUSIVOS DE HOJE no site por 0.60€ + IVA Obtenha o seu código de acesso com uma simples chamada telefónica

ou
UTILIZE O
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)