Barra Cofina

Correio da Manhã

Exclusivos
9

Hospital compra fardas a estilista

Sindicato Independente dos Médicos acusa maior unidade do Norte de gastar mais de um milhão de euros nas vestes. Administração nega.
26 de Novembro de 2010 às 00:30
Estilista Nuno Gama passou semanas a estudar os “modelos” do São João
Estilista Nuno Gama passou semanas a estudar os “modelos” do São João FOTO: José Gageiro

A partir de Janeiro de 2011 os mais de quatro mil funcionários de todas as áreas do Hospital de São João, no Porto, vão passar a vestir fardas assinadas pelo estilista Nuno Gama, um investimento que, de acordo com o Sindicato Independente dos Médicos (SIM), pode ultrapassar o milhão de euros. A unidade hospitalar nega aquele valor e fala que no orçamento para o próximo ano vão apenas ser investidos 150 mil euros em túnicas e calças.

"Num momento de gravíssima crise, a administração do hospital de São João adjudicou ao estilista Nuno Gama o fardamento para todo o pessoal da instituição (médicos, enfermeiros, técnicos, administrativos e auxiliares), cujos custos poderão rondar uns parcos 1 076 183 €", escreveu, em tom de revolta, o SIM, no seu site oficial.

O CM contactou a administração do maior hospital do Norte, dirigido por António Ferreira, que garante haver "apenas um orçamento de 150 mil euros para fardamento". De acordo com a fonte há já três anos que não se compram quaisquer tipo de vestes "obrigatórias para todos os funcionários e que correm agora risco de ruptura de stock". Assim, já foram gastos "25 mil euros no desenvolvimento das fardas e na criação de um ‘book técnico’, que inclui a escolha dos tecidos, cores e repelentes".

Depois disso, "foram solicitados os protótipos para os diferentes tipos de batas (médicos, enfermeiros, assistentes operacionais e técnicos), cuja quantia despendida pelo hospital foi 4900 euros", acrescentou a mesma fonte.

Também Nuno Gama reagiu aos valores avançados pelo SIM. "Um milhão? É a primeira vez que ouço falar nesse número. É verdade que me convidaram para criar as novas fardas, e que passei semanas inteiras no hospital a analisar os comportamentos e as situações, mas esse valor é-me completamente desconhecido", disse o estilista.

Os protótipos das novas fardas serão apresentados ao público na festa de Natal da instituição, ainda sem data marcada, e na qual os funcionários se tornarão modelos ao desfilar com os novos equipamentos vestidos.

NUNO GAMA FOI CONVIDADO HÁ MAIS DE UM ANO

Quando foi contactado pela administração do Hospital de São João, no Porto, para conceber as novas fardas da unidade hospitalar, Nuno Gama aceitou de imediato. "Convidaram-me há mais de um ano e aceitei pois era um grande desafio. Fui a várias reuniões e com os administradores acertei tudo ao pormenor a pouco e pouco", explicou o estilista portuense. "Tentei fazer roupa simples, mas com notoriedade para ser reconhecido e que possa marcar pela diferença e tenha um baixo custo económico", acrescentou o criador.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)