Barra Cofina

Correio da Manhã

Exclusivos
7

Jesus puxa orelhas a Carlos Martins

Técnico não gostou de que o jogador fizesse apenas ginásio e estivesse apto para a Selecção.
5 de Dezembro de 2010 às 00:30
O treinador Jorge Jesus tirou Carlos Martins da equipa titular sem lhe explicar as razões
O treinador Jorge Jesus tirou Carlos Martins da equipa titular sem lhe explicar as razões FOTO: Miguel Barreira/Record

Jorge Jesus deu um ‘puxão de orelhas’ a Carlos Martins, por o médio apenas ter feito trabalho de ginásio na semana do jogo com a Naval (14 de Novembro) e três dias depois ter jogado pela Selecção, em grande estilo, na goleada de Portugal à Espanha por 4-0 – o médio benfiquista marcou mesmo o primeiro golo à selecção campeã da Europa e do Mundo.

Apesar de Carlos Martins não ter podido defrontar a Naval – estava castigado por ter atingido no Dragão uma série de cinco cartões amarelos –, o facto é que o atleta passou toda a semana a fazer trabalho de ginásio e depois apareceu sem queixas na selecção nacional. Jesus não gostou do aparente desinteresse demonstrado por Martins, a contrastar com o que fez pela Selecção, e na deslocação a Israel para defrontar o Hapoel ‘castigou’ o médio, deixando-o no banco, medida que causou estranheza entre companheiros e pessoas que acompanharam o clube. Jesus disse aí que Martins estava com problemas físicos, mas o CM sabe que o atleta não foi utilizado de início por opção.

Depois, Martins foi titular em Aveiro, mas o CM sabe que a opção se ficou a dever apenas à lesão de Aimar, jogador muito defendido por Jesus.

O próprio Carlos Martins ficou bastante surpreendido por ter perdido a titularidade e não teve qualquer justificação de Jesus.

O jogador não se deixou, porém, abater e, na sexta-feira, quando entrou na segunda parte – aos 46’ – com o Olhanense, voltou a dar excelente resposta, com óptima exibição frente aos algarvios.

MAN. UNITED QUER COENTRÃO NO LUGAR DE EVRA

O Manchester United quer contratar Fábio Coentrão para o lugar de Patrice Evra, actual dono do lado esquerdo da defesa dos red devils, noticiou o ‘Daily Mail’. Coentrão, de 22 anos, tem uma cláusula de rescisão de 30 milhões de euros, da qual Luís Filipe Vieira não abdica.

O internacional português é apontado como a alternativa ideal para precaver a saída de Evra, desejado por Mourinho no Real Madrid. Nani já deu excelentes indicações de Coentrão a Ferguson, treinador da equipa inglesa. O benfiquista é representado por Jorge Mendes, que tem excelentes relações com o United. Ontem, a imprensa brasileira noticiou que Patric, lateral-direito do Benfica emprestado ao Avaí, interessa ao Corinthians.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)