Barra Cofina

Correio da Manhã

Exclusivos
6

Marcelo admite possibilidade de dar aulas na Califórnia depois de terminar mandato

Comunidade lusa na costa oeste dos Estados Unidos chega aos 700 mil residentes.
Tiago Rebelo 27 de Setembro de 2022 às 01:30
Marcelo na Califórnia
Marcelo na Califórnia
Marcelo Rebelo de Sousa admitiu esta segunda-feira a possibilidade de vir a dar aulas na Califórnia depois de terminar o mandato de Presidente da República.

Marcelo, que visita a comunidade portuguesa na Costa Oeste dos Estados Unidos, revelou que até já recebeu um convite para dar aulas de Direito Público, embora não tenha especificado onde.

O Presidente visitou a Universidade de Stanford e encontrou-se com empresários em São Francisco, depois de ter estado na região agrícola do Vale de São Joaquim, um dos centros da emigração portuguesa na Califórnia.

Marcelo jantou em casa de um dos maiores produtores mundiais de batata-doce, Manuel Eduardo Vieira, nascido na ilha do Pico e chegado à Califórnia em 1972, que comprou uma pequena empresa de batata-doce ao tio, a qual, atualmente, vende “100 milhões de quilos”, segundo o empresário.

“Com a graça de Deus, construímos um império. Hoje somos considerados o maior produtor de batata-doce biológica do mundo e um dos maiores exportadores para toda a América do Norte.”

No mesmo jantar estiveram políticos luso-americanos.

“Há mais de 700 mil luso-americanos na Califórnia”, disse em inglês Jim Costa, do Partido Democrata.



Presidente Marcelo Rebelo de Sousa Califórnia questões sociais demografia emigrantes política eleições
Ver comentários