Barra Cofina

Correio da Manhã

Exclusivos
4
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já

Víbora-cornuda deixa menino em estado grave em Penela

Rapaz de 10 anos passeava com o pai e um irmão na serra quando viu o réptil. Tentou tocar-lhe e foi mordido.
Mário Freire 14 de Junho de 2019 às 01:30
Joana Félix, a farmacêutica que acalmou o menino e colocou gelo na mordidela até à chegada do socorro
Vítima passeava na zona da Pedra da Ferida, no Espinhal, entre a vegetação e o riacho, quando foi mordida pela víbora
Hospital Pediátrico de Coimbra
Joana Félix, a farmacêutica que acalmou o menino e colocou gelo na mordidela até à chegada do socorro
Vítima passeava na zona da Pedra da Ferida, no Espinhal, entre a vegetação e o riacho, quando foi mordida pela víbora
Hospital Pediátrico de Coimbra
Joana Félix, a farmacêutica que acalmou o menino e colocou gelo na mordidela até à chegada do socorro
Vítima passeava na zona da Pedra da Ferida, no Espinhal, entre a vegetação e o riacho, quando foi mordida pela víbora
Hospital Pediátrico de Coimbra
Um menino de 10 anos, de nacionalidade holandesa, foi mordido numa mão por uma víbora-cornuda e está internado em estado grave no Hospital Pediátrico de Coimbra.

A criança está a ser medicada nos cuidados intensivos, mas não corre risco de vida.

< br />
Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso ao e-paper, a todos os conteúdos exclusivos do site no pc, tablet e smarphone
Assine já 1 mês/1€
Para ler este e todos os EXCLUSIVOS DE HOJE no site por 0.60€ + IVA Obtenha o seu código de acesso com uma simples chamada telefónica

ou
UTILIZE O
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)