Barra Cofina

Correio da Manhã

Exclusivos
3

Zé Pedro já está no Santa Maria

Músico está muito “triste” por ter motivado cancelamento do concerto da banda agendado para esta noite, em Belém. Alta deverá ser daqui a quatro dias.
31 de Dezembro de 2009 às 00:30
Zé Pedro teve hemorragia e só ficou nos Cuidados Intensivos por não haver vaga na enfermaria
Zé Pedro teve hemorragia e só ficou nos Cuidados Intensivos por não haver vaga na enfermaria FOTO: Vítor Mota

Zé Pedro já está em Lisboa, no Hospital Santa Maria, onde passará o Réveillon e permanecerá nos próximos dias. O guitarrista dos Xutos & Pontapés recupera, assim, já na capital, da hemorragia digestiva fulminante que sofreu na segunda-feira, quando viajava do Porto.

Cabeca, manager da banda e irmão do baterista Kalu, visitou o amigo ontem, nos Hospitais da Universidade de Coimbra (HUC), onde o guitarrista se encontrava internado nos Cuidados Intensivos, e garantiu ao CM: 'O Zé Pedro está bem, porreiríssimo e já a contar anedotas.'

O músico foi transferido dos HUC ontem à tarde, de ambulância, para o Hospital Santa Maria e, segundo Cabeca, aí deverá permanecer mais 'quatro ou cinco dias', segundo indicação médica.

Após uma série de exames clínicos, realizados ainda em Coimbra, Zé Pedro apresentou condições para regressar a Lisboa. 'A hemorragia está controlada e ele está bem, apesar de se sentir fraquinho', explicou o manager, reforçando, em tom de brincadeira: 'Até tive de me zangar porque ele queria muito fazer o concerto [agendado para esta noite]. Estava muito triste com o facto de o seu estado de saúde ter obrigado ao cancelamento do espectáculo.'

Desde que foi internado de urgência nos HUC, Zé Pedro tem sido muito mimado pela família. As irmãs e o irmão têm sido visitas assíduas e, garante Cabeca para tranquilizar os fãs, o guitarrista 'só estava nos Cuidados Intensivos porque não havia vaga na enfermaria'.

Zé Pedro termina assim o ano de forma mais atribulada do que o desejado. Ainda há menos de um mês, em jeito de balanço, o músico admitira ao Correio da Manhã: 'Foi um ano extraordinário. Profissionalmente, o concerto do Restelo foi a realização de um sonho. E, no aspecto sentimental, foi genial ter encontrado uma pessoa [Cristina Avides]. O equilíbrio do coração dá-nos asas e faz-nos mesmo querer ser pessoas melhores.' 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)