Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
5

Caneta ainda escreve após 25 anos no estômago

Uma britânica de 76 anos teve uma caneta alojada no estômago durante um quarto de século e, após ser retirada através de uma endoscopia, descobriu-se que a referida caneta ainda escrevia.
21 de Dezembro de 2011 às 16:06
Caneta resistiu ao suco gástrico durante 25 anos
Caneta resistiu ao suco gástrico durante 25 anos FOTO: D.R.

O insólito caso foi descrito pelo 'British Medical Journal', que contou como a britânica engoliu a caneta sem querer quando estava a utilizá-la para fazer um auto-exame às amígdalas.

Ao longo de 25 anos as suas recorrentes queixas de dores abdominais foram ignoradas por vários médicos, mas uma crise de diarreia forçou novos exames, incluindo o raio-X que detectou a caneta.

Caneta Saúde Endoscopia Estômago Reino Unido Caso clínico
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)