Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
5

Mulher corta dedo para o comer

Uma mulher pediu que lhe cortassem o dedo em ritual sangrento de iniciação.
Joana Lobão e P.Z.G. 9 de Setembro de 2016 às 17:40
Mulher cortou o dedo em ritual sangrento
Mulher cortou o dedo em ritual sangrento FOTO: Getty Images

Shelby Neuns, uma mulher de 27 anos, conversava com o amigo Jonathan Schrap e mais dois colegas sobre rituais sangrentos quando se ofereceu para que alguém lhe desse um golpe no braço e bebesse o seu sangue.

Mais tarde, um dos amigos teve a ideia de cortarem o mindinho de alguém e Shelby prontificou-se de imediato. A mulher afirma que não estava embriagada nem sob o efeito de drogas quando permitiu que lhe cortassem o dedo para congelar e mais tarde cozinhar e comer.

Shelby foi levada para o hospital pela mãe e o namorado e no local a equipa médica chamou a polícia que rapidamente percebeu que a mulher tinha feito parte de um ritual de iniciação.

A polícia prendeu Schrap e um dos amigos, Nick Laabs, que participaram no ritual, no entanto, Shelby defende que nenhum deles tem de pagar por um ritual em que ela foi voluntária. Nick Laabs foi mais tarde libertado, Schrap está à espera da audiência preliminar marcada para o dia 21 de setembro.    

Ritual Shelby Neuns Sangrento Dedo Jonathan Schrap Polícia
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)