Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
5

Mulher detida após confessar que o pai do filho é o irmão

Pauline Martin vai a julgamento por incesto.
28 de Março de 2018 às 13:18
Pauline Martin confessou ter engravidado do irmão
Pauline Martin confessou ter engravidado do irmão FOTO: Direitos Reservados

Uma mulher da Florida foi detida quatro meses após o nascimento do seu filho, depois de ter confessado à polícia que o pai da criança é o seu irmão, com quem vivia uma "relação sexual romântica", avança o jornal Orlando Sentinel.

Pauline Elizabeth Martin, de 33 anos, confessou que vive que o seu irmão como um casal em Groveland e que engravidou dele, dando à luz uma criança.

A mulher, que trabalha num restaurante do McDonalds foi detida e acusada de incesto. Saiu em liberdade após pagar fiança de 2700 euros, mas terá de responder em tribunal a 16 de abril.

O caso foi detetado quando a criança, nascida a 21 de novembro, foi registada pela mãe, que omitiu várias informações para a emissão do certificado de nascimento, por exemplo, o nome do pai.

O bebé nasceu com vários problemas de saúde e foi transferido para um hospital de Orlando. Testes genéticos permitiram perceber que o bebé tinha resultado de uma relação sexual entre pessoas da mesma família.

O irmão de Pauline, pai da criança, está em parte incerta.

Florida Pauline Elizabeth Martin Orlando Sentinel Goveland McDonalds Orlando filho irmão incesto
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)