Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
4

Mulher torna-se mãe depois de usar kit de inseminação artificial em casa

Bailey Ennis comprou o o kit, que custou 25 libras (cerca de 30 euros), na Internet.
Correio da Manhã 15 de Agosto de 2022 às 21:36
Bailey Ennis e o filho, Lorenzo
Bailey Ennis e o filho, Lorenzo FOTO: Direitos Reservados/Instagram

Bailey Ennis, de 24 anos, tornou-se mãe de um menino depois de ter feito uma inseminação artificial em casa com um kit que comprou na Internet e que custou 25 libras (cerca de 30 euros).

A jovem, que vive no Sul de Londres, em Inglaterra, estava desesperada por tornar-se mãe. Como não tinha intenção de iniciar uma relação, decidiu recorrer a um dador de esperma para realizar o grande sonho. "Queria ser mãe desde adolescente e, como lésbica, sempre soube que teria de ser através de inseminação artificial. Não tinha o desejo de estar numa relação. Eu só queria ter um bebé", declarou Bailey. 

De acordo com o Daily Mail, a mulher encontrou na Internet um dador que vivia nas proximidades. "Não estava à procura de características particulares, só queria alguém de confiança e o mais saudável possível. Encontrámo-nos para tomarmos um café antes de concordarmos que ele seria o meu dador", contou Bailey sobre a experiência, revelando ainda que o homem concordou em ser o seu "dador para futuras crianças". 

Bailey Ennis comprou então um kit de inseminação artificial, que custou 25 libras (cerca de 30 euros), conseguiu ficar grávida em outubro de 2021 e no último dia do mês descobriu a boa nova. "Fiquei loucamente feliz, era tudo o que eu sempre quis na vida", disse Ennis.

Lorenzo nasceu a dois de julho, com cerca de dois quilos e trezentos gramas. "Ele tem o meu nariz, tem olhos grandes como os meus e o meu cabelo castanho. É muito bonito ", disse Bailey.

A mulher contou ainda que não podia estar mais feliz com a decisão de se tornar "mãe solteira".



Bailey Ennis Internet política questões sociais crime lei e justiça autoridades locais