Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
1

Mulher utiliza urina do cão para enganar teste de deteção de drogas

Julie Miller encontrava-se em liberdade condicional tendo, com regularidade, de se submeter a exames toxicológicos.
Correio da Manhã 14 de Janeiro de 2020 às 15:59
Urina
Mulher utiliza urina do cão para passar a teste de deteção de drogas
Urina
Mulher utiliza urina do cão para passar a teste de deteção de drogas
Urina
Mulher utiliza urina do cão para passar a teste de deteção de drogas
Uma mulher de 40 anos, em liberdade condicional, tentou enganar as autoridades ao utilizar urina do seu cão para passar nos exames toxicológicos, mas a manha da Julie Miller acabou por não resultar e foi detida na passada segunda-feira em Kentucky, nos EUA.

Julie Miller entregou amostras de urina, que alegava serem dela, para exames destinados à deteção de drogas. Após análise foi detetado que a urina não pertencia à mulher de 40 anos que se encontrava em liberdade condicional. Quando questionada a quem pertencia a amostra, Miller acabou por confessar que pertenciam ao seu cão.

A polícia de Pineville anunciou na sua página de Facebook que a suspeita foi detida esta segunda feira e declarada culpada no tribunal de Bell County Circuit por tráfico de droga e adulteração de evidências físicas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)