Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
2

Erro informático bancário torna cliente multimilionário

Bank of America depositou por engano mais de 2 mil milhões de euros na conta de cliente americano.
Correio da Manhã 25 de Agosto de 2020 às 13:41
Fortuna depositada por erro nunca esteve disponível para levantamento
Fortuna depositada por erro nunca esteve disponível para levantamento FOTO: Paulo Cunha / Lusa

Um psiquiatra americano teve uma das maiores surpresas da sua vida ao aceder ao seu extrato bancário na última sexta-feira.

Na conta que tem no Bank of America estavam, nada mais, nada menos do que 2,45 mil milhões de dólares, valor correspondente a pouco mais de 2 mil milhões de euros!

A felicidade de Blaise Aguirre durou pouco, no entanto. Em pouco mais de 15 minutos, o banco corrigiu o erro e retirou-lhe a fortuna que tinha depositado na sua conta.

Como o próprio explicou à Bloomberg, depois de denunciar o caso no Twitter, descobriu o engano ao entrar na aplicação para telemóvel do Bank of America, uma das maiores instituições bancárias dos Estados Unidos.

Primeiro, esperou que o banco corrigisse o erro mas, como nada aconteceu, contactou o gestor de conta a dar conta do sucedido.

Só depois do seu contacto é que o Bank of America teve conhecimento de que o multimilionário valor estava incorreto.

"O dinheiro nunca esteve disponível", explicou um porta-voz do banco, "e o erro foi prontamente corrigido".

Como explica a Bloomberg, esta situação acontece poucos dias depois de um caso semelhante protagonizado pelo americano Citibank, mas com consequências completamente diferentes.

A instituição bancária "apagou" pagamentos que tinha feito por engano aos credores de uma multinacional de produtos cosméticos a quem tinha feito um empréstimo.

Embora algumas das instituições credoras tenham devolvido os valores errados de forma voluntária, o banco americano entrou numa luta legal com dois fundos de investimentos, que se recusam a devolver os pagamentos feitos.

Bank of America Citigroup multimilionário dólares euros
Ver comentários