Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
9

Obrigava enteada de sete anos a fazer sexo oral no banho

Homem confessou os crimes de abuso sexual.
24 de Janeiro de 2018 às 13:22
Menina
Menina
Menina
Menina
Menina
Menina
Um homem, de 36 anos, foi preso por suspeitas de violar a enteada de 7 anos, em Mato Grosso do Sul, no Brasil.

O padrasto da menina acabou por confessar o crime, segundo avançou a polícia. "Nós já ouvimos as testemunhas e o suspeito. Ele realmente admitiu que levava a menina para o banho e lhe pedia para praticar sexo oral com ele pelo menos três vezes, sendo que a criança negou sempre", explica o delegado.

Segundo a polícia local, o telefone do padrasto foi retido para investigações por terem conhecimento que o suspeito exibia imagens pornográficas.

O site G1 avança ainda que a mãe da menina estava a trabalhar quando o arguido abusava da criança. Foi a avó que questionou a neta sobre os factos e que denunciou o homem à polícia.

O suspeito poderá ser preso durante 15 anos.
Mato Grosso do Sul Brasil violação abusos sexuais polícia crime
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)