Direito de resposta da IURD

Referente à notícia 'Ex-pastor da IURD admite abandono de crianças'.
25.02.18
  • partilhe
  • 3
  • +
"O jornal Correio da Manhã publicou o artigo intitulado 'Ex-pastor da IURD admite abandono de crianças', no qual é afirmado que o lar da IURD funcionaria como 'fator de propaganda', que as crianças eram mostradas em cerimónias religiosas aos fiéis para aumentar as oferendas e ainda que alguns menores poderiam ter sido abandonados pelos pais adotivos.

Todas estas afirmações são manifestamente falsas e atingem de uma forma inaceitável o bom-nome e a reputação da IURD.

Ao contrário do que é afirmado, não é verdade que a instituição funcionasse como um 'fator de propaganda' ou que as crianças fossem expostas aos fiéis para apelar 'ainda mais à entrega de dinheiro'.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!