Correio da Manhã

Direito de Resposta: Serviços Prisionais
01:30
  • Partilhe
Referente à notícia "Fogo posto na cela atira 4 guardas para o hospital".

"A propósito da notícia publicada na página 48 do ‘Correio da Manhã’ de 14 de maio, sob o título de ‘Fogo posto na cela atira 4 guardas para o hospital’, esta Direção-Geral vem solicitar a reposição da verdade.

Efetivamente, ao contrário do que é alarmisticamente noticiado, não se verificou qualquer ferimento por queimaduras nos guardas, nem esta Direção-Geral confirmou a hospitalização dos mesmos. Antes pelo contrário, esta Direção-Geral, em resposta por correio eletrónico das 18h12 de dia 13 de maio, informou que a situação foi imediatamente debelada com os meios próprios do estabelecimento prisional e que o recluso e os guardas foram deslocados a hospital do Serviço Nacional de Saúde, tendo tido alta após serem observados.

Diga-se que a deturpação da verdade dos factos constantes na notícia ultrapassa, inclusivamente, os termos das questões que, em momento algum, aludiram a queimaduras e sim a inalação de fumo. A Direção--Geral de Reinserção e Serviços Prisionais lastima que, mais uma vez, o Correio da Manhã persista num comportamento deontologicamente incorreto que, não só não toma em consideração as respostas remetidas, como as deturpa."

Celso Manata, Diretor-Geral de Reinserção e serviços prisionais

Siga o CM no Facebook.

  • Partilhe
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE