Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais CM
7

A mulher coxa

Espelho, mapa
7 de Junho de 2009 às 00:00
A mulher coxa
A mulher coxa

Não há beleza nas viagens, só no viajante.

O espelho que é mapa. Nele procuramos. Olhamos para o espelho, inclinamos a cabeça um pouco mais para o lado e decidimos, então, para onde caminhar. O espelho é um mapa. Num certo dia, num certo instante, eu vou olhar para o meu corpo que é um mapa e vou encontrar o tesouro. Ou os piratas.

O poder

Escreve Clarice Lispector:

'A outra mão dele, a livre, está ao alcance dela. Ela sabe, e não a toma. Quer a mão dele, sabe que quer, e não a toma. Tem exactamente o que precisa: pode ter.' (‘Onde Estiveste de Noite?’)

É importante parar à beira de.

Se podemos ser belos cortando o cabelo para quê cortar o cabelo? Já ganhámos.

É a vitória maior: poder ganhar, mas optar por perder. Sou tão forte que até posso parecer fraco. Sou tão bonito que até posso parecer feio.

Quem podia ser bonito mas não é, tem mais confiança na própria beleza do que aquele que é mesmo bonito.

Em suma: és demasiado bonito para seres bonito.

(Diziam os surrealistas: a realidade é feia, não há nada a fazer a não ser o mergulho na não-realidade. A única beleza é a imaginada).

Exército, beleza

E não há exércitos de beleza, é impossível. A beleza é sempre individual, isolada; afastou-se da multidão e por isso dizemos: é bonita.

Não existe um somatório de belos. Não existe o exército de soldados belos, mas apenas o belo exército.

Mistura estranha

Esta situação pode ser descrita como um acaso sortudo ou uma sorte azarada. Depende.

'O pior é que era coxa. Uns olhos tão lúcidos, uma boca tão fresca, uma compostura tão senhoril: e coxa! Esse contraste faria suspeitar que a natureza é às vezes um imenso escárnio. Por que bonita, se coxa? por que coxa, se bonita?' (Machado de Assis - ‘As Memórias Póstumas de Brás Cubas’)

Não interessa apenas reflectir acerca do sentido último das grandes coisas, como o universo ou a espécie humana no seu conjunto. Por vezes devemos reflectir sobre as pequenas coisas, sobre os pequenos mistérios. Como este, esta mulher.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)