Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais CM
3

Ainda bem que correu mal

Acabo de saber que 'Aquele Querido Mês de Agosto' poderá ser a proposta portuguesa para os Óscares na categoria de Melhor Filme Estrangeiro. Parece-me bem. O filme de Miguel Gomes, que não correu bem e por isso mesmo se tornou num objecto híbrido, fundindo o registo documentário com a ficção, acabou por derivar num dos projectos mais interessantes do cinema nacional. A parte documental ajuda a perspectivar a ficção de uma forma diferente do que seria previsível: humaniza o universo dos emigrantes/habitantes do Portugal profundo, das festas dos santos, procissões e música pimba de maneira tão simples e verdadeira que deita abaixo boa parte dos preconceitos que à partida se poderia ter antes de assistirmos à ficção.
5 de Outubro de 2008 às 00:00
Ainda bem que correu mal
Ainda bem que correu mal

Há pirosada? Ui, se há. Com fartura. Às vezes é impossível não nos rirmos, mas a coisa vai muito mais longe: ao mesmo tempo que isso acontece, 'Aquele Querido Mês de Agosto' trata as pessoas e os lugares pitorescos de uma realidade que é tão nossa com um merecido respeito. Dá- -lhes voz, sentido e uma razão incontornáveis. Desde que comecei a tocar em festas com cartazes compostos por artistas como Tony Carreira e afins que comecei a compreender melhor esse mundo. Quer se queira ou não, quer se ame ou odeie, aquilo que nos é dado a ver pode ser definido para as pessoas dos grandes centros urbanos como as pernas de um paraplégico: faz parte, e que parte, do nosso corpo, ainda que não as possamos sentir.

Na segunda parte, entramos então na estória do rapaz emigrado que em férias se apaixona pela prima, ao mesmo tempo que se junta a ela num grupo de baile. Além de ser um objecto cinematográfico inovador, 'Aquele Querido...' tem à partida um trunfo em relação aos demais filmes que poderão fazer parte do lote: é intrinsecamente tuga. No melhor e no pior, no belo e no ridículo. Como um filme de Kusturica, por exemplo. Óscares com ele.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)