Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais CM
3

APITA O COMBOIO

A freguesia de Monte Abraão, em Sintra, ganhou o direito de ter uma estação com o seu nome. Foi necessário esperar sete anos. Mas falta actualizar sistema informativo dos comboios (...)
31 de Outubro de 2004 às 00:00
Foi necessário esperar sete anos para a freguesia de Monte Abraão, em Sintra, ganhar o direito de ter uma estação de comboios com o seu nome. Durante sete anos a estação esteve sinalizada como Queluz/Massamá, o que induzia em erro muitos utentes da CP. Por seu turno, Massamá tinha um estação com o nome de Barcarena. Esta semana tudo mudou, para satisfação da nossa leitora Fátima Campos.
No dia 27 de Agosto publicámos a sua queixa relativamente a esta situação. Na resposta, a Refer comprometeu-se a fazer as alterações até final ano. Nesse mesmo dia, o Correio da Manhã informou Fátima Campos, que também é presidente da Junta de Freguesia de Monte Abraão, das intenções da Refer. “Há sete anos que ouço essa resposta”, desabafou. Pois bem, srª presidente, desta vez a sua queixa teve uma resposta positiva. A Refer prometeu e cumpriu: Monte Abraão tem agora uma estação com o nome da localidade e Massamá chama-se Massamá/Barcarena. Falta, no entanto, actualizar o sistema informativo dos comboios e os horários. Oxalá não tenhamos de esperar mais sete anos...
Nota positiva também para a Câmara de Leiria, que promete avançar no início do próximo ano com obras de repavimentação no Bairro dos Capuchos, dando assim resposta ao nosso leitor Edgar Carvalho.
Pena é que em Montemor-o-Novo a autarquia não cuide devidamente da estrada de S. Brissos. Queixa-se o nosso leitor José António do piso degradado desta via. Na resposta, a autarquia de Montemor-o-Novo reconhece os problemas desta estrada – pavimento antigo – , mas diz que não tem solução imediata devido à falta de verbas e outras prioridades. Se o problema é a falta de verbas, que tal o sr. presidente da Câmara convidar o ministro das Obras Públicas para visitar o seu concelho? E como quem não quer a coisa, faça com que o ministro passe pela estrada de S. Brissos... Pode ser que com tanto solavanco nos carros da comitiva ministerial caiam as necessárias verbas para arranjar a estrada...
Já agora, gostaríamos que a Câmara de Évora diligenciasse junto do promotor da obra no terreno perto da Escola dos Salesianos para vedar um buraco que constitui um perigo. Sr.presidente faça algo. Antes que seja tarde de mais.
Ver comentários