Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais CM
7

ELE VEM AÍ

O problema de Portugal não são os espanhóis – é ‘O Espanhol’. Não a língua, mas o homem: o director ibérico propriamente dito.
7 de Março de 2003 às 16:42
É esse o monstro que mensalmente assombra as reuniões de ‘partners’ das empresas portuguesas, preocupadas com o ‘downsizing’ nos ‘resources’ da área de ‘consulting’. Nunca falha: todos os meses lá vem ele, ‘trolley’ da ‘Samsonite’ a rolar na Portela, duzentas almas em suspenso num edifício da 5 de Outubro, cinco ou seis corações rebentando de angústia na sala de reuniões – e então é certo que o homem chegará caloroso, sorrirá o seu sorriso de fumador de charuto, demitirá um ‘partner’, mandará despedir três ‘managers’ e perguntará num português parvo, simpático até: “Onde bamos jantar hoy?”

Tem graça: no outro dia li uma notícia que falava na queda acentuada da demografia de Espanha, ao ponto de se prever a redução da população do país para metade em apenas 50 anos. Perguntei-me: e quem vai mandar nas empresas portuguesas, nessa altura? Enfim, era uma graçola.

Bem mais preocupante é, sempre que cá vem ‘O Espanhol’, haver um novo ‘downsizing’ nos ‘resources’ da área de ‘consulting’. São-lhe estranhas, estas palavras? É inglês. Os espanhóis não o falam, e falá-lo entre nós é a nossa única defesa. Mas só a fingir.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)