Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais CM
8

Malucos por chá

Estivemos a provar e a ouvir falar de chás. Ficámos menos ignorantes, mas perigosamente viciados
28 de Outubro de 2012 às 15:00
Malucos por chá
Malucos por chá

Nina Gruntkowski criou uma empresa para distribuir em Portugal os melhores chás verdes do Japão (a Chá Camélia). Ela é - sem ofensa - uma maluquinha por chá. Luís Carvalho é o responsável pelos cursos de chá no Museu do Oriente. É professor de botânica, e, claro, outro doido por chá (também sem ofensa). E eu, que passei uma manhã com um e uma tarde com outro, estou à beira da loucura.

O dinheiro que já gastei a comprar chás verdes para meter o nariz em pequenas taças e descobrir as pequenas diferenças aromáticas entre cada um deles, comprova a gravidade da situação. Se ainda não comprei um termómetro para controlar a temperatura correcta da água para o chá (75 a 80º), é só por ter medo que me internem num local desagradável.

Em sonhos, dou por mim a delirar com matchas, gyokuras, mizudachis, senchas, kukichas e banchas, as seis categorias de chás japoneses. Nina e Luís Carvalho dizem que isto passa. Deus os ouça.

Seguindo em frente, vamos então dizer que os chás verdes de produção biológica que a Chá Camélia distribui distinguem-se dos outros chás verdes por nós apreciados pela finura, delicadeza e elegância de aromas e sabores. No fundo, isto não espanta - são produtos japoneses. Entre chás com mais ou menos teína (diz-se teína e não cafeína), a Chá Camélia vende o mais famoso dos chás -o gyokuro, conhecido como chá do orvalho. Uma preciosidade.

Saiba onde se vendem os chás em www.chacamelia.com . Ou pelo telefone 931 740 803. Os preços variam entre 9,80 € e 39,60 €.

REGRAS PARA FAZER CHÁ

Primeiro, escolha uma água pouco mineralizada (a da torneira, nem pensar). Segundo, não deixe a água ferver (para chá verde o ideal é 80º). Terceiro, deixe o chá em infusão só dois minutos. Quarto, depois da infusão retire as folhas do chá.

VEM AÍ O JARDIM

Nina e Dirk Niepoort são namorados e tão obcecados por chá que já têm 200 camélias sinensis (a planta do chá), vindas da Áustria, para serem plantadas num jardim, no Porto. Para ver o que dão.

AULAS NO MUSEU

O Museu do Oriente realiza cursos de chá, monitorizados por Luís Carvalho, que sabe tudo sobre a matéria. Sai-se de uma aula sua com informação, muito chá bebido e literatura recomendada.

COM ÁGUA FRIA

De todos os chá que provámos, o que mais nos encantou foi o Mizudachi - faz-se com água fria. É uma delícia para beber sem mais nada ou então para acompanhar inúmeros pratos asiáticos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)