Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais CM

Pássaros aterram em Lisboa

A exposição ‘Angry Birds’ vai mais além que o popular jogo. Testa conhecimentos em Física e Biologia.
João Ferreira e Marta Ribeiro da Silva 20 de Agosto de 2017 às 12:36

Portugal é o primeiro país europeu a receber a exposição Angry Birds, inspirada no famoso jogo que pôs pessoas dos 8 aos 80 anos a proteger ovos de pássaros dos malditos Porcos Verdes. Dividida em cinco áreas temáticas ao longo de mais 1000 m², esta exposição interativa aborda temas da Física e da Biologia.

Será possível conhecer características de aves reais, como por exemplo, comparar a envergadura dos nossos braços com a das asas de aves e os diferentes tamanhos de ovos. A Física também é explorada de uma forma lúdica: conceitos de aerodinâmica e de energia cinética são abordados em pistas de carros e através da experimentação. Os visitantes poderão construir diferentes modelos de carros e testá-los.

Fenómeno mundial
Todos aqueles que forem ao Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa, vão fazer parte de um jogo que tem desafios para a família se divertir e aprender em conjunto. Segundo a diretora do pavilhão, Rosalia Vargas, a exposição "desvenda a ciência e tecnologia por detrás deste fenómeno mundial".

Acrescenta ainda que "os anfitriões Red, Terence, Bomb, Matilda e Stella acompanham os visitantes nesta aventura imersiva destinada a todas as idades, onde a Ciência, a Tecnologia, a Engenharia, a Arte e a Matemática são exploradas de forma entusiasmante e divertida".

Esta exposição foi produzida pela Imagine Exhibitions, em parceria com o Rovio Entertainment e JACK Rouse Associates. Se é um apaixonado pelo jogo marque na sua agenda uma visita ao pavilhão do Parque das Nações, entre o próximo mês de outubro até setembro de 2018.

Pavilhão do Conhecimento Angry Birds Rovio Entertainment e JACK Rouse Associates
Ver comentários