Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais CM
3

Treinos hi-tech

A tecnologia é usada na preparação, mas também em caso de lesões.
22 de Junho de 2014 às 15:00
Falar Global, Futebol, Vacusport, Ciência Viva, Treino, Cristiano Ronaldo, Paulo Futre, José Gomes Pereira
Falar Global, Futebol, Vacusport, Ciência Viva, Treino, Cristiano Ronaldo, Paulo Futre, José Gomes Pereira

No futebol de topo, ao mais alto nível, a ciência e a tecnologia podem fazer milagres. Hoje em dia, os atletas são avaliados ao detalhe em vários parâmetros fisiológicos e biomecânicos que têm implicações no rendimento dos craques. Os avanços científicos permitem uma recuperação mais rápida depois de um jogo e após lesões. A vacusport é um exemplo da tecnologia de ponta aplicada à recuperação de jogadores. Só existe uma máquina destas em Portugal. Em Espanha é usada pelo Barcelona e, em breve, no Real Madrid. Foi testada no Espaço e permite diminuir os tempos de recuperação com o auxílio da microgravidade.

Os treinos de hoje são diferentes do que eram. Com base nos modelos de jogo de cada equipa, sabe--se quantos quilómetros é que o jogador Y, que ocupa a posição X, tem de correr durante a partida e, desses quilómetros, quantos terão de ser em sprint ou num ritmo mais lento. Como refere José Gomes Pereira, professor catedrático de Medicina Desportiva e antigo médico de Ronaldo, "sabemos para que é que queremos preparar, passo o termo, aquela máquina humana". Seria Ronaldo menos jogador sem a tecnologia? O ex-jogador Paulo Futre diz que "os grandes jogadores tanto jogavam hoje como antigamente. Veja-se o caso de Eusébio, Pelé ou Maradona. Seriam sempre os melhores."

SABER GLOBAL

Mundial: Futebol no Google

Através do Google Trends, os amantes do futebol podem manifestar-se sobre jogos, jogadores, seleções e resultados. A ideia é acompanhar em tempo real o sentimento vivido pelos adeptos durante este Mundial.

Investigação: Absorção da água do ar

Investigadores criaram esponja que absorve água do ar. Com uma camada que capta a água e outra que a expele em nanotubos de carbono, a esponja pode absorver um quarto do seu peso em onze horas.

Apple: iPhone entra na saúde

Apple lança aplicação para monitorizar condição física, agregando informações de peso, ritmo cardíaco ou calorias ingeridas. Por exemplo, em caso de pressão arterial alta, a aplicação pode dar conselhos ou facilitar médicos.

CIDADANIA DIGITAL

Ocupação científica nestas férias 

Estão abertas as inscrições para estágios de verão Ciência Viva. Os alunos podem participar em projetos de investigação de diversas áreas. São mais de 1300 vagas em 85 instituições. Em Lisboa, a ocupação científica de jovens pode passar por estudar o futebol, descobrir o que é a cozinha solar, viajar ao passado em escavações ou mesmo descobrir a importância das abelhas. Mais info em www.cienciaviva.pt.

Falar Global Futebol Vacusport Ciência Viva Treino Cristiano Ronaldo Paulo Futre José Gomes Pereira
Ver comentários