Barra Cofina

Correio da Manhã

Especiais
6

Primeira piloto feminina da Força Aérea Afegã deixa aviso: “Não acreditem na propaganda dos talibãs”

Niloofar Rahmani acredita que esta é uma “guerra contra as mulheres e não contra os homens”.
Correio da Manhã 19 de Agosto de 2021 às 12:47
Niloofar Rahmani
Niloofar Rahmani FOTO: Direitos Reservados/ Twitter

A primeira piloto feminina da Força Aérea Afegã, Niloofar Rahmani, acredita que os talibãs vão magoar sobretudo as raparigas. Em entrevista à Fox News, a jovem de 29 anos afirmou que esta é uma "guerra contra as mulheres e não contra os homens".

Niloofar pretende assim alertar para que as cidadãs afegãs "não acreditem na propaganda dos talibãs" que, através do porta-voz Zabihullah Mujahid, tinham declarado na passada terça-feira que iriam honrar e respeitar os direitos das mulheres no Afeganistão

A jovem contou ainda que os talibãs não respeitam a sua carreira e estão a ameaçar a sua família por a apoiarem. "Sinto muito medo pelos meus pais e pelo meu irmão, que continuam em Cabul", disse Niloofar que atualmente vive nos EUA depois de ter recebido asilo do país em 2018. 

Niloofar Rahmani ganhou destaque internacional depois de se tornar a primeira piloto feminina da Força Aérea Afegã depois de os talibãs perderem o controlo do país em 2001. 

Ver comentários