Barra Cofina

Correio da Manhã

Especiais
1

120 soldados russos mortos em apenas 24 horas

Maiores perdas dos russos este sábado foram nos arredores de Bahkmut.
Daniel Pascoal 3 de Julho de 2022 às 09:49
Baixas russas subiram para mais de 35 mil desde o início do conflito
Baixas russas subiram para mais de 35 mil desde o início do conflito FOTO: ANATOLII
As Forças Armadas da Ucrânia anunciaram este sábado que mataram 120 soldados russos em 24 horas, aumentando o total das baixas inimigas para 35 870. No boletim diário divulgado pelos combatentes de Kiev, é relatado que os invasores tiveram mais cinco tanques e um helicóptero destruídos. Até este sábado, o 129º dia desde o início da guerra na Ucrânia, os combatentes dizem já terem atingido 15 embarcações, 105 sistemas de guerra antiaéreo e 3737 veículos blindados de combate.

As maiores perdas dos russos este sábado foram nos arredores de Bahkmut, cidade que está no centro de grandes conflitos. “Juntos venceremos. O nosso poder está na verdade”, exclamaram as Forças Armadas ucranianas, que continuam a resistir à invasão russa, que teve início a 24 de fevereiro.

Recorde-se que a violência continua ao mesmo tempo que as autoridades ucranianas trabalham para ter cada vez mais apoio do estrangeiro. Após a aceitação da candidatura à União Europeia, Volodymyr Zelensky anunciou que começou a exportar eletricidade para a UE. Na sexta-feira, o Presidente da Ucrânia conversou com os chefes de Estado da Argentina e do Chile, de modo a criar laços também na América Latina.
Forças Armadas da Ucrânia Kiev Ucrânia política questões sociais defesa
Ver comentários
}