Barra Cofina

Correio da Manhã

Especiais
1

32.º dia: Zelensky pede mais armas ao Ocidente e forças ucranianas recuperam vilas perto de Kharkiv

139 crianças já morreram e 205 ficaram feridas na Ucrânia desde o início da invasão russa ao país.
27 de Março de 2022 às 08:39
Soldados ucranianos observam veículos militares russos, destruídos e abandonados, perto da região de Sumy
Explosão em Lviv
Lviv atacada por mísseis
Um morador junto de um prédio totalmente arrasado em Chernihiv
Um tanque russo capturado na região de Sumy, perto da fronteira russa
Exportação de energia continua a alimentar máquina de guerra da Rússia
Soldados ucranianos observam veículos militares russos, destruídos e abandonados, perto da região de Sumy
Explosão em Lviv
Lviv atacada por mísseis
Um morador junto de um prédio totalmente arrasado em Chernihiv
Um tanque russo capturado na região de Sumy, perto da fronteira russa
Exportação de energia continua a alimentar máquina de guerra da Rússia
Soldados ucranianos observam veículos militares russos, destruídos e abandonados, perto da região de Sumy
Explosão em Lviv
Lviv atacada por mísseis
Um morador junto de um prédio totalmente arrasado em Chernihiv
Um tanque russo capturado na região de Sumy, perto da fronteira russa
Exportação de energia continua a alimentar máquina de guerra da Rússia

Quatro mísseis atingiram, este sábado, Lviv, cidade ucraniana a cerca de 60 quilómetros da fronteira com a Polónia. Este foi o ataque mais significativo contra esta cidade. O ataque aconteceu quando Joe Biden, presidente dos Estados Unidos, visitava Varsóvia, capital da Polónia. 

139 crianças já morreram e 205 ficaram feridas na Ucrânia desde o início da invasão russa ao país.

As forças ucranianas recuperaram algumas vilas perto de Kharkiv, como Vilkhiva, a cerca de 32 quilómetros da fronteira com a Rússia.

Volodymyr Zelenskiy, presidente ucraniano, pediu este sábado que os países do Ocidente fornecessem mais material militar à Ucrânia, questionando ainda se o Ocidente se sentia intimidado pela Rússia.

Zaporizhzhia
As forças ucranianas lançaram contra-ataques bem sucedidos contra as tropas russas, expulsando-as das aldeias ocupadas temporariamente no Oblast de Zaporizhzhia, dando origem a pesados combates.

Chernihiv
44 pessoas gravemente feridas, incluindo três crianças, não puderam ser retiradas da cidade para receberem tratamento, já que as tropas russas impedem a saída destes civis.

Corredores humanitários
A Ucrânia e a Rússia acordaram dois corredores humanitários para este domingo, que vão permitir a retirada de pessoas da cidade de Mariupol, relevou a vice-primeira-ministra Iryna Vereshchuk.

Ver comentários
}