Barra Cofina

Correio da Manhã

Especiais
4

Espanha tem seis tanques Leopard prontos para envio à Ucrânia na próxima semana

Entrega de armamento e o treino de militares têm sido uma das formas de apoio a Kiev pelos seus aliados ocidentais.
Lusa 23 de Março de 2023 às 15:15
Tanques Leopard  2-A6
Tanques Leopard 2-A6 FOTO: REUTERS/Radovan Stoklasa
Espanha terá prontos para enviar para a Ucrânia seis carros de combate Leopard na próxima semana, disse esta quinta-feira a ministra da Defesa espanhola, Margarita Robles.

Os seis tanques Leopard 2A4, que o exército espanhol não usava há 15 anos, estão há um mês e meio a ser reparados numa fábrica de equipamento militar em Sevilha, no sul de Espanha, e estarão prontos para ser usados na próxima semana, segundo a ministra.

Espanha comprometeu-se a enviar inicialmente seis destes carros de combate para a Ucrânia e depois afirmou que poderia enviar mais quatro, que em breve chegarão à mesma fábrica para serem arranjados, confirmou Margarita Robles, que visitou esta quinta-feira as instalações onde estão a ser recuperados os Leopard.

Por não serem usados há tantos anos, os carros de combate estavam num estado "bastante deficiente", mas foram arranjados de forma "total e absoluta", com garantia de segurança, num tempo que a ministra considerou recorde.

Além de se comprometer com a entrega de 10 Leopard à Ucrânia, Espanha está também a formar ucranianos para operarem com estes carros de combate e para assegurarem a sua manutenção.

A Alemanha comprometeu-se a entregar cerca de 60 tanques modernos a Kiev como parte de uma coligação que inclui países como Portugal, Espanha, Noruega, Canadá e Polónia.

A Polónia foi a primeira nação do grupo a enviar tanques Leopard, com a entrega de quatro unidades em 24 de fevereiro, quando se assinalou o primeiro aniversário da guerra da Rússia contra a Ucrânia.

Segundo as Forças Armadas dos Estados Unidos, nove países já se comprometeram a enviar cerca de 150 tanques Leopard para a Ucrânia.

A entrega de armamento e o treino de militares têm sido uma das formas de apoio a Kiev pelos seus aliados ocidentais, além da imposição de sanções à Rússia.

O carro de combate Leopard 2A4 data do final do século XX e serviu de base para o desenvolvimento de um dos mais modernos e eficientes tanques de guerra utilizados pelos países ocidentais, o modelo 2A6 nas suas versões alemã ou sueca, bem como o desenvolvimento do tanque espanhol Leopard 2E, principal equipamento das forças blindadas em Espanha atualmente.

O 2A4 supera a maioria dos principais carros de combate atualmente no terreno de guerra e o 2A6, fornecido pela Alemanha, está ao mesmo nível dos veículos russos mais avançados da atualidade.

O Leopard 2A4 e 2A6 são aproximadamente 80% compatíveis logisticamente.

A ofensiva militar russa no território ucraniano, lançada a 24 de fevereiro de 2022, mergulhou a Europa naquela que é considerada a crise de segurança mais grave desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

Ver comentários
C-Studio