Barra Cofina

Correio da Manhã

Especiais
9

Supremo Tribunal de Israel cancela restrições à entrada de ucranianos no país

Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, já elogiou a decisão do tribunal israelita.
Lusa 4 de Julho de 2022 às 08:41
Refugiados ucranianos
Refugiados ucranianos
O Supremo Tribunal de Israel eliminou no domingo as restrições à entrada de ucranianos no país, depois do ministro do Interior ter limitado em março o número de refugiados da Ucrânia a entrar com um visto.

Ao abrigo dos regulamentos vigentes, os ucranianos não necessitam de visto para visitarem Israel por um período máximo de três meses. Em março, Ayelet Shaked disse que só seria permitida a permanência de cerca de 20 mil ucranianos que tivessem visto turístico ou estivessem no país ilegalmente antes da invasão russa.

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, já elogiou a decisão do tribunal israelita.

Supremo Tribunal de Israel Israel Ucrânia política
Ver comentários
}