Barra Cofina

Correio da Manhã

Eu Repórter CM
9

FALTAM PLACAS EM ÉVORA INDICANDO DIRECÇÃO DOS MONUMENTOS

Estive recentemente na cidade de Évora e é deprimente ver os turistas completamente perdidos porque não existe dentro da cidade uma única placa indicativa de qual a direccção a tomar para se chegar aos monumentos - Templo de Diana, por exemplo.
24 de Agosto de 2004 às 00:00
As únicas placas que existem são a indicar a direcção das residenciais. Se fosse em Espanha havia percursos aconselhados assinalados por todos os lados. Aqui, temos de viver com os autarcas que temos e estes em Évora parece que de Turismo não percebem nada. (Não é uma questão política porque os anteriores também nada fizeram).
Jorge Cardoso, gerente,Monte Estoril
Évora dedica a maior das atenções ao meio milhão de turistas que visitam anualmente a cidade. Distribuimos gratuitamente, em vários locais, um mapa com a localização do património e respectivos percursos. A grandiosidade do nosso património é de tal ordem (temos 200 sítios classificados) que se torna impossível colocar placas a indicar todos os monumentos; ao fazê-lo estaríamos a criar uma selva de placas . O centro histórico de Évora é património da Humanidade; não faz sentido estar a destacar este ou aquele monumento. Devo no entanto informar que, a partir de Setembro, vão ser colocadas placas em bronze junto aos monumentos, com toda a informação.
José Ernesto, Presidente da Câmara Municipal de Évora
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)