Barra Cofina

Correio da Manhã

Eu Repórter CM

Olha o projecto fresquinho!

O novo projecto para o Centro de Saúde da Quinta do Conde reduz o edifício para apenas um piso. Isto numa freguesia onde moram 25 mil pessoas.
15 de Outubro de 2006 às 00:00
Olha o projecto fresquinho!
Olha o projecto fresquinho!
Algo de estranho se passa lá para as bandas do Ministério da Saúde. Um ministro que encerra maternidades e serviços de urgência invocando o perigo para a saúde pública e o bem-estar dos doentes tem que se lhe diga. Recorde-se que é a mesma pessoa que, em 2001, também como ministro da Saúde (Governo Guterres) partiu de propósito uma cadeira no Hospital da Guarda para provar a falta de condições naquela unidade hospitalar.
É a mesma pessoa que, à data, liderava uma equipa que elaborou um projecto para a construção da Extensão de Saúde da Quinta do Conde, em Sesimbra, e, agora, deita o projecto para o lixo e encomenda outro! Se calhar já cheirava a mofo, e este é fresquinho... E enquanto os projectos vão e vêm, lá se vai o dinheiro...
E como se não bastasse, o novo projecto vem reduzir a área do centro de saúde para apenas um piso, quando estavam previstos dois. Isto numa freguesia com 25 mil habitantes e onde a tendência é de crescimento populacional.
Vá lá saber-se quais são as razões do ministro. Mas a julgar pelos argumentos utilizados em relação às maternidades e urgências somos capazes de ser surpreendidos, um destes dias, com uma declaração surpreendente, tipo “o edifício só vai ter um piso porque assim será de mais fácil acesso para grávidas e idosos...”
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)