Barra Cofina

Correio da Manhã

Eu Repórter CM
5

OS PRESOS E A LIBERDADE

Sabemos que muitos dos detidos que estão nas celas das nossas prisões não são propriamente uns criminosos perigosos, mas antes vulgares seres humanos que em determinada altura das suas vidas cometeram qualquer pequena infracção digna de uma pequena pena.
30 de Setembro de 2004 às 00:00
Assim, é de aplaudir a atitude do Governo de restituir à liberdade essas pessoas, embora elas tenham que transportar uma pulseira electrónica até ao fim das penas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)