Barra Cofina

Correio da Manhã

Eu Repórter CM
7

Telegrama urgente por telefone demorou uma semana a chegar

Há cerca de um mês, mais precisamente no dia 21 de Novembro, decidi enviar um telegrama com carácter de urgência, por telefone, a uma familiar que fazia anos com indicação de que deveria ser entregue no dia 24, sem falta. O telegrama só chegou no dia 28!
22 de Dezembro de 2005 às 00:00
E não foi lido ao telefone mas sim depositado na caixa do correio! A julgar pelo que aconteceu, qualquer dia voltamos ao tempo da Malaposta!
Margarida Garcia, Lisboa
RESPOSTA
O cliente solicitou, de facto, via telefone (1583) o envio de um Telegrama Exclusivo Urgente no dia 23-11-2005, às 20h51. Para além dos dados do destinatário informou também o n.º de telefone. Neste caso, o supervisor de serviço fez várias tentativas para ler o telegrama ao telefone, mas ninguém atendeu. O prazo de entrega deste telegrama exclusivo recebido às 20h51 de dia 23 Novembro é no 2.º dia útil à sua aceitação. Assim, devia ter sido entregue no dia 25 via telefone. Mas como ninguém atendeu, o telegrama seguiu, no dia 25, via correio, para o destinatário.
Gabinete de Comunicação da PT
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)