Correio da Manhã

Ser solidário é o lema
00:00
  • Partilhe
O LIDL promove o bem através de uma campanha que terá um forte impacto na comunidade.

No dia 20, é celebrado o Dia Internacional da Solidariedade Humana, uma data instituída pela Organização das Nações Unidas em 2005, por ocasião da celebração da primeira década das Nações Unidas para a Erradicação da Pobreza (1997-2006).

Destacar a importância da ação coletiva para superar os problemas globais e alcançar os objetivos mundiais de desenvolvimento, para construir um mundo melhor e mais seguro para todos, são os objetivos desta celebração.

Neste dia, os governos são recordados dos seus compromissos com os acordos internacionais, sobre a necessidade da solidariedade humana como uma forma de combater a pobreza. E as pessoas são incentivadas a debater sobre os meios de promover a solidariedade e a encontrar métodos inovadores para ajudar a erradicar a pobreza e a fome. Entre várias iniciativas que decorrem pelo globo, destacam-se as organizadas pelas Nações Unidas. É tradição deste dia o secretário-geral desta instituição enviar uma mensagem ao mundo.

Em conformidade com o simbolismo da data, o Lidl Portugal continua a desenvolver campanhas que sensibilizem a comunidade para a importância das escolhas responsáveis e para a necessidade de ajuda ao próximo. É o caso da campanha deste ano – Promoção do Bem – a decorrer até ao dia 31 de dezembro.
 

Qual o desafio da campanha? Levar a sociedade civil a mobilizar-se em torno de um projeto solidário em que todos ganham: os clientes Lidl e as cinco IPSS beneficiárias.

Quantas instituições são beneficiárias?
São cinco as IPSS beneficiárias, selecionadas em cada uma das cinco regiões administrativas de Portugal: APAV, no Norte; ACAPO, no Centro; ACREDITAR, em Lisboa e Vale do Tejo; RUTIS, no Alentejo; e APEXA, no Algarve
 

PUBLICIDADE

Lidl Portugal atento à realidade. As diferenças, as desigualdades e as dificuldades de acesso a bens e serviços essenciais acentuaram-se nos últimos anos, tornando-se imperativo continuar a ajudar o próximo. Através do apoio a estas IPSS, a empresa pretende contribuir para o bem-estar de mais e mais pessoas, retribuindo pelo privilégio de poder participar na sociedade.

Um projeto com continuidade. Foi celebrado um protocolo de um ano com as cinco instituições, em que, além da doação monetária conseguida através da campanha que decorrerá nas 245 lojas, até ao dia 31 dezembro, doará ainda bens alimentares e não alimentares ao longo do ano, assegurando que as IPSS conseguem concretizar os seus objetivos de forma mais eficiente e ajudar mais pessoas com necessidades específicas.

Siga o CM no Facebook.

  • Partilhe
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE