Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais CM
2

Asterónimo Araújo (1933-2014)

Morreu o homem das mãos de ouro.
Paulo Fonte(paulofonte@cmjornal.pt) 17 de Novembro de 2014 às 01:09
Asterónimo acompanhou gerações de campeões, viveu alegrias e tristezas
Asterónimo acompanhou gerações de campeões, viveu alegrias e tristezas FOTO: DR

Jogador que se deitasse na sua marquesa nada temia – com Asterónimo estava em boas mãos. Profundo conhecedor das mazelas desportivas, o antigo enfermeiro massagista do Benfica durante 43 anos era um amigo e confidente. Nascido a 7 de dezembro de 1933 em Lavrados, Ponte da Barca, ostentava o número de sócio 4095/1 e em 2012 recebera o emblema de 50 anos de Filiação e Dedicação. Os adeptos mais antigos ainda recordam o homem que atravessava o campo em corrida, uma mala em cada mão, pronto a ajudar o atleta queixoso. Morreu sábado aos 80 anos.

Asterónimo Araújo desporto Benfica
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)