Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais CM
2

Luís Bento (1951-2015)

O gestor que não tinha papas na língua. Formado em Direito, acabou por ser presidente da APG.
Fernanda Cachão 25 de Fevereiro de 2015 às 00:30
FOTO: DR

"Fala-se em reforma do Estado desde D. Miguel e nunca aconteceu", disse quem não poupou as reformas e alterações laborais do atual governo que aprofundam o empobrecimento e deixam sem esperança os portugueses – assim sem papas na língua numa entrevista aos microfones da RDP. Luís Bento era presidente da Associação Portuguesa de Gestão das Pessoas, com mandato até 2016, tinha 64 anos, formação em Direito, especialista em recursos humanos, professor universitário e autor de livros sobre gestão e ética empresarial – área do observatório Grupo de Paris, a que pertencia.