Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais Sobre
6
Saber mais sobre Anselmo Silva
01:00 | 28/11

Corta caminho para praia e cais no Sado

Local de eleição durante décadas para os amantes da natureza, a praia fluvial da Herdade do Pinheiro, situada no estuário do Sado, está agora restrita aos moradores da propriedade, depois de a herdeira ter mandado colocar uma cancela com guarda e câmara de videovigilância num caminho municipal, para barrar o acesso a desconhecidos.
00:30 | 19/12
Mar devolve corpo à família

Mar devolve corpo à família

O corpo de Anselmo Silva, 49 anos, voltou ontem, ao final da tarde, à sua terra: Leça da Palmeira. O último pescador português vítima do naufrágio do barco ‘Rosamar’, ao largo da Galiza, há 13 dias, chegou à Capela de Santa Cristina às 18h00, de onde esta manhã sairá para a igreja de Leça da Palmeira, às 10h45, para a missa de corpo presente.
17:19 | 17/12

Corpo do pescador chega amanhã a Portugal

O corpo do pescador português resgatado ontem do mar da Galiza, Espanha, vai ser trasladado para Portugal quinta-feira, revelou o presidente da Junta de Matosinhos, António Parada.<br/>
00:05 | 17/12

Aparece corpo de pescador

Onze dias após o naufrágio do navio ‘Rosamar’, ao Largo de Burela, no Norte de Espanha, foi ontem encontrado o corpo de Anselmo Silva – o pescador de 49 anos, de Leça da Palmeira, o único português que estava desaparecido desde o naufrágio.
00:00 | 14/12
Mártires do mar

Mártires do mar

Em Caxinas, Vila do Conde, centenas de famílias vivem da pesca e quase todas vestem o luto por alguém que o mar levou. Com o naufrágio do ‘Rosamar’, na Corunha, morreu mais um pescador caxineiro. A tragédia voltou à terra que nos últimos trinta anos já fez o funeral a 77 homens do mar.
00:30 | 09/12
Adeus emocionado

Adeus emocionado

Olhares vazios, muita dor, desespero e lágrimas. Foi assim ontem à tarde em Matosinhos e em Vila do Conde, onde milhares de pessoas participaram nas cerimónias fúnebres de dois dos quatro pescadores mortos no naufrágio do ‘Rosamar’ ao largo da costa da Galiza.
00:30 | 08/12
“A última ida ao mar”

“A última ida ao mar”

Aselmo Silva continua desaparecido no mar da Galiza – vítima do naufrágio que matou oito pescadores, quatro deles portugueses. Em Matosinhos a família chora, em agonia, uma morte ainda sem corpo. Amanhã realiza-se uma cerimónia religiosa simbólica em memória do pescador, que deixa desamparadas mulher e uma filha de 23 anos.<br/><br/>
00:30 | 07/12
Dor no regresso a casa

Dor no regresso a casa

Sérgio Silva, 29 anos – um dos quatro portugueses sobreviventes do trágico naufrágio do ‘Rosamar’, que matou quatro portugueses (um corpo está por resgatar) e quatro indonésios (todos por encontrar) – não quer voltar ao mar. A decisão, confidenciada ontem ao CM por um tio, foi tomada pelo jovem tripulante do barco de arrastão, que andava à faina do carapau, após ter visto o seu padrinho ser engolido pelas águas a 27 milhas da costa norte da Galiza. Mário Castanho, 53 anos, conhecido por ‘Nazareno’, era o mestre da embarcação. O sobrinho entrou na balsa de salvação. O tio não abandonou o navio.<br/><br/>
Mais notícias