Barra Cofina

Correio da Manhã

Multimédia
6
Operações vão envolver elementos dos Bombeiros Municipais do Funchal, da Polícia Judiciária, da PSP e da GNR na zona da levada dos Piornais
Depois do resgate das vítimas foi feita a inspecção para apurar causas da morte
Corpos estavam a 20 metros abaixo da levada, a meio da escarpa com uma altura aproximada de 50 metros
Alerta surgiu quando as equipas que estavam a bater a levada à procura das turistas avistaram, da encosta oposta, uma mochila vermelha
Dinamarquesas, de 73 e 76 anos, naturais de Ärhus, chegaram à Madeira no dia 29 de Dezembro e tinham o regresso à Dinamarca marcado para dia 8
Resgate de difícil acesso terminou ao início da tarde desta quinta-feira
Dinamarquesas estavam desaparecidas desde dia 1
Operações vão envolver elementos dos Bombeiros Municipais do Funchal, da Polícia Judiciária, da PSP e da GNR na zona da levada dos Piornais
Depois do resgate das vítimas foi feita a inspecção para apurar causas da morte
Corpos estavam a 20 metros abaixo da levada, a meio da escarpa com uma altura aproximada de 50 metros
Alerta surgiu quando as equipas que estavam a bater a levada à procura das turistas avistaram, da encosta oposta, uma mochila vermelha
Dinamarquesas, de 73 e 76 anos, naturais de Ärhus, chegaram à Madeira no dia 29 de Dezembro e tinham o regresso à Dinamarca marcado para dia 8
Resgate de difícil acesso terminou ao início da tarde desta quinta-feira
Dinamarquesas estavam desaparecidas desde dia 1
Operações vão envolver elementos dos Bombeiros Municipais do Funchal, da Polícia Judiciária, da PSP e da GNR na zona da levada dos Piornais
Depois do resgate das vítimas foi feita a inspecção para apurar causas da morte
Corpos estavam a 20 metros abaixo da levada, a meio da escarpa com uma altura aproximada de 50 metros
Alerta surgiu quando as equipas que estavam a bater a levada à procura das turistas avistaram, da encosta oposta, uma mochila vermelha
Dinamarquesas, de 73 e 76 anos, naturais de Ärhus, chegaram à Madeira no dia 29 de Dezembro e tinham o regresso à Dinamarca marcado para dia 8
Resgate de difícil acesso terminou ao início da tarde desta quinta-feira
Dinamarquesas estavam desaparecidas desde dia 1

Corpos de dinamarquesas encontrados em zona de difícil acesso na Madeira

Os corpos das duas turistas dinamarquesas, que estavam a passar férias na Madeira, foram a cerca de 20 metros abaixo da levada, a meio da escarpa com uma altura aproximada de 50 metros. Estavam desaparecidas desde dia 1 (fotos: Homem de Gouveia/Lusa)

5 de Janeiro de 2012 às 17:26

Mais vistos