Barra Cofina

Correio da Manhã

Multimédia
4
O primeiro navio de patrulha oceânica 'Viana do Castelo' também marcou presença nas comemorações.
O ministro Santos Silva cumpre as tradições do Dia da Marinha.
O rio Sado foi o palco para os exercícios de demonstração.
Um marinheiro lança um sinal de fumo para assinalar a sua presença.
O Helicóptero Lynx participou em várias demonstrações da sua capacidade operacional.
Jóia da coroa e símbolo português, o Navio-Escola Sagres fez as delícias dos muitos espectadores que assistiram ao desfile.
O Helicóptero Lynx 'participa' numa operação de resgate em alto mar.
À festa não faltaram os fuzileiros.
Fuzileiros simulam um desembarque.
Muitos populares não desviaram a atenção das manobras.
A presidente da Câmara de Setúbal, Maria das Dores Meira, Santos Silva, o Chefe de Estado Maior da Armada, almirante Saldanha Lopes, e o secretário de Estado da Defesa, Marcos Perestrello, assistem às cerimónias.
O ministro da Defesa Nacional, Augusto Santos Silva, passa revista às tropas.
O submarino não podia faltar à festa da Marinha.
O Dia ficou marcado pelas inúmeras manobras da capacidade operacional da Marinha.
O dia terminou com um desfile náutico de todos os navios.
Os marinheiros muito concentrados durante as cerimónias.
O primeiro navio de patrulha oceânica 'Viana do Castelo' também marcou presença nas comemorações.
O ministro Santos Silva cumpre as tradições do Dia da Marinha.
O rio Sado foi o palco para os exercícios de demonstração.
Um marinheiro lança um sinal de fumo para assinalar a sua presença.
O Helicóptero Lynx participou em várias demonstrações da sua capacidade operacional.
Jóia da coroa e símbolo português, o Navio-Escola Sagres fez as delícias dos muitos espectadores que assistiram ao desfile.
O Helicóptero Lynx 'participa' numa operação de resgate em alto mar.
À festa não faltaram os fuzileiros.
Fuzileiros simulam um desembarque.
Muitos populares não desviaram a atenção das manobras.
A presidente da Câmara de Setúbal, Maria das Dores Meira, Santos Silva, o Chefe de Estado Maior da Armada, almirante Saldanha Lopes, e o secretário de Estado da Defesa, Marcos Perestrello, assistem às cerimónias.
O ministro da Defesa Nacional, Augusto Santos Silva, passa revista às tropas.
O submarino não podia faltar à festa da Marinha.
O Dia ficou marcado pelas inúmeras manobras da capacidade operacional da Marinha.
O dia terminou com um desfile náutico de todos os navios.
Os marinheiros muito concentrados durante as cerimónias.
O primeiro navio de patrulha oceânica 'Viana do Castelo' também marcou presença nas comemorações.
O ministro Santos Silva cumpre as tradições do Dia da Marinha.
O rio Sado foi o palco para os exercícios de demonstração.
Um marinheiro lança um sinal de fumo para assinalar a sua presença.
O Helicóptero Lynx participou em várias demonstrações da sua capacidade operacional.
Jóia da coroa e símbolo português, o Navio-Escola Sagres fez as delícias dos muitos espectadores que assistiram ao desfile.
O Helicóptero Lynx 'participa' numa operação de resgate em alto mar.
À festa não faltaram os fuzileiros.
Fuzileiros simulam um desembarque.
Muitos populares não desviaram a atenção das manobras.
A presidente da Câmara de Setúbal, Maria das Dores Meira, Santos Silva, o Chefe de Estado Maior da Armada, almirante Saldanha Lopes, e o secretário de Estado da Defesa, Marcos Perestrello, assistem às cerimónias.
O ministro da Defesa Nacional, Augusto Santos Silva, passa revista às tropas.
O submarino não podia faltar à festa da Marinha.
O Dia ficou marcado pelas inúmeras manobras da capacidade operacional da Marinha.
O dia terminou com um desfile náutico de todos os navios.
Os marinheiros muito concentrados durante as cerimónias.

Exercícios e manobras nas comemorações do Dia da Marinha

Setúbal acolheu o Dia da Marinha pautado por exercícios e manobras. Salvamentos, ataques a navios piratas e desfile naútico marcaram um dia a que muitos assistiram.

23 de Maio de 2011 às 11:18