Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Apreendidos 30 quilos de metanfetamina enterrados numa casa em Moçambique

Proprietário da casa está foragido, estando a decorrer investigações para a sua localização e responsabilização.
Lusa 22 de Junho de 2021 às 14:43
Metanfetamina
Metanfetamina FOTO: Getty Images
As autoridades moçambicanas apreenderam mais de 30 quilos de metanfetamina enterrados numa residência na cidade de Nampula, no norte do país, disse hoje à Lusa fonte do Serviço Nacional de Investigação Criminal (Sernic).

A droga foi apreendida, no sábado, numa residência no bairro Namutequeliua e estava escondida em baldes plásticos enterrados no quintal da casa, segundo Enina Tsinine, porta-voz do Sernic em Nampula.

"Tivemos a informação através das nossas fontes, investigamos e chegamos àquela residência", disse Enina Tsinine.

Segundo a porta-voz, o proprietário da casa está foragido, estando a decorrer investigações para a sua localização e responsabilização.

Esta é a segunda apreensão de metanfetamina que ocorre naquela província em menos de duas semanas.

No dia 12, as autoridades detiveram um homem com 55 quilos de metanfetamina em Nacala, também na província de Nampula, dissimulada em sofás que estavam a ser transportados num camião, com destino final a cidade de Maputo, capital do país.

Na altura, a porta-voz disse à Lusa que desde janeiro foram apreendidos 561 quilos de diversas drogas em Nacala, a maior parte das quais tem sido metanfetamina, anfetamina e heroína.

Moçambique é apontado por várias organizações internacionais como um corredor para o tráfico internacional de estupefacientes.

De acordo com o Gabinete das Nações Unidas contra a Droga e o Crime (UNODC), as autoridades do Quénia e da Tanzânia, países a norte de Moçambique, aumentaram a vigilância nos últimos anos, empurrando os traficantes para sul, em direção à costa moçambicana, "em busca de novas rotas e novos mercados".

Ver comentários