Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Autoridades do Zimbábue prenderam mais de 105 mil pessoas por violação das regras de confinamento

Populares que regressem do exterior deverão permanecer em quarentena durante três semanas numa intalação aprovada pelo Governo.
Correio da Manhã 19 de Julho de 2020 às 17:40
Coronavírus África
Coronavírus África FOTO: Reuters
Mais de 105 mil pessoas foram presas no Zimbabué desde março devido à violação das regras impostas para conter a propagação do coronavírus.

Segundo a BBC, só nos dois últimos dias foram presas cerca de mil pessoas por "movimento desnecessário" ou pela não utilização de máscaras.

De acordo com os regulamentos impostos atualmente no país e citados pela BBC, os populares que regressem do exterior deverão permanecer em quarentena durante três semanas numa intalação aprovada pelo Governo.

Segundo as autoridades, 276 pessoas fugiram dos centros de quarentena, incluindo alguns casos positivos para coronavírus. Cerca de 30 foram presos e apresentados a tribunal por exposição do vírus à família e à comunidade.

O país contabiliza mais de 1400 infetados e 25 mortos provocados pela Covid-19.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)