Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Ex-presidente do Supremo Tribunal da Guiné Equatorial teme ser "eliminado" pelo Governo

Casa de Juan Carlos Ondo Angue foi cercada por militares na noite de terça-feira.
Lusa 13 de Fevereiro de 2020 às 19:42
Juan Carlos Ondo Angue
Juan Carlos Ondo Angue FOTO: Facebook
O ex-presidente do Supremo Tribunal de Justiça da Guiné Equatorial, Juan Carlos Ondo Angue, afirmou esta quinta-feira que teme ser "eliminado" pelo Governo do país, depois de a sua casa ter sido cercada por militares na noite de terça-feira.

Ondo Angue, citado pela agência espanhola Efe, referiu que se sente "preocupado" com o assédio que sofreu na terça-feira, quando "mais de 15" militares utilizaram "veículos com metralhadoras" para bloquear a sua casa.

"Eu fiquei bastante assustado. Nem sequer levavam algum documento oficial", afirmou o ex-presidente do Supremo Tribunal equato-guineense, referindo-se à chegada do grupo de militares.

Governo Guiné Equatorial Juan Carlos Ondo Angue política crime lei e justiça crime homicídio
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)