Correio da Manhã

Homem com pénis biónico nega sexo a 50 mulheres
Foto Direitos Reservados
Mohammed Abad mostra o mecanismo do pénis biónico
Foto Direitos Reservados
Mohammed Abad com a 'dominatrix' com quem perdeu a virgindade
Foto Direitos Reservados
Mohammed Abad com a 'dominatrix' com quem perdeu a virgindade
Foto Direitos Reservados
Mohammed Abad mostra o mecanismo do pénis biónico
Foto Direitos Reservados
Mohammed Abad mostra o mecanismo do pénis biónico
Foto Direitos Reservados
Mohammed Abad
Por Pedro Zagacho Gonçalves | 13:43
  • Partilhe
Mohammed Abad perdeu a virgindade aos 44 anos com uma ‘dominatrix’.

Mohammed Abad, um escocês conhecido que deu que falar em todo o mundo por ser o primeiro homem a ter um pénis biónico, confessou que já negou propostas de sexo a pelo menos 50 mulheres.

"Recebo muitas mensagens, em especial na Internet. As mulheres-me pedem para fazer sexo com elas. Ouviram falar de mim e do meu pénis biónico e querem experimentar. Ficam muito curiosas e acham que eu consigo fazer amor durante longas horas".

No entanto, apesar das ofertas que chovem, Abad não voltou a usar a sua ‘maravilha da ciência’ (que tem 20 centímetros) desde que perdeu a virgindade, há oito meses atrás.

A primeira vez de Mohammed Abad foi com a acompanhante de luxo e ‘dominatrix’ Charlotte Rose, que, tocada pela história do homem, decidiu que ofereceria uma noite inesquecível a Mohammed.

"Não é que não tenha vontade, mas tenho andado muito ocupado com trabalho. Faço turnos de 14 horas e sempre que chego a casa estou exausto", justifica o escocês, que descobriu recentemente que não vai poder ser pai, porque o seu único testículo não produz espermatozoides viáveis para a conceção.

PUBLICIDADE

Abad sofreu um terrível acidente aos 6 anos. Foi atropelado e arrastado no asfalto por um carro e ficou sem o órgão sexual. Após anos de tratamentos e cirurgias, os médicos conseguiram implantar-lhe um pénis biónico, com tubos insufláveis e pele retirada do braço, em 2012.

Agora, Mohammed assume que vive uma fase feliz e pensa em casar-se. "Os meus pais estão a arranjar-me noiva e, segundo os planos deles, querem que me case já para o ano. Já há pretendentes, mas eu não me importo se for gorda ou magra, alta ou baixa. Só quero uma mulher com personalidade e confio na escolha dos meus pais", afirma o homem, adiantando que mal pode "esperar pela noite de núpcias".

Siga o CM no Facebook.

  • Partilhe
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE