Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

11 MARÇO: DETIDO COM DOCUMENTOS PORTUGUESES

A Polícia espanhola deteve, ontem à noite, num bairro de Madrid, um homem de origem marroquina vinculado com os atentados de 11 de Março que tinha na sua posse documentos portugueses falsos, revelou esta quinta-feira o jornal “El Mundo”.
29 de Julho de 2004 às 11:27
11 MARÇO: DETIDO COM DOCUMENTOS PORTUGUESES
11 MARÇO: DETIDO COM DOCUMENTOS PORTUGUESES FOTO: d.r.
De acordo com o ‘site’ do diário espanhol, no momento em que foi detido, à porta de uma casa do bairro de Carabanchel, o indivíduo tinha consigo documentos falsos em nome de Gabriel Salim Aoun, supostamente nascido em 1 de Março de 1960 em Moçambique, sendo filho de Salim e Sakina Aoun.
Segundo avança o “El Mundo”, que cita fontes policiais ligadas às investigações, as autoridades estão a tentar determinar a verdadeira identidade do detido, vinculado a alguns dos principais autores dos atentados que causaram 200 mortos em Madrid.
Entre os indivíduos com quem o suspeito agora detido terá contactado, destaca-se Jamal Ahmidan, um dos sete terroristas envolvidos nos atentados que se suicidaram num apartamento do bairro de Leganés, em 3 de Abril último, depois de terem sido cercados pela Polícia.
A investigação apurou ainda que o homem detido ontem se encontrava, horas depois de terem sido cometidos os atentados, na área da propriedade situada na localidade de Morata de Tajuña, onde foram presumivelmente preparados os explosivos utilizados nas acções terroristas.
Foi também constatada a sua presença nas proximidades do apartamento localizado no bairro de Leganés, durante o tempo em que este foi ocupado pela célula terrorista que perpetrou os atentados, mais concretamente entre os dias 13 de Março e 3 de Abril de 2004.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)